sexta-feira, 21 de maio de 2010

Tudo sobre homens e peixes...


Há um ditado em inglês, usado quando você se desencanta com alguém por quem está apaixonado, que diz: "There's plenty of fish in the sea"( há muito mais peixes no mar).
Traduzindo, homens são como ônibus, você perde um, mas em cinco minutos vem outro.
Mas voltando ao peixe, devemos pensar...
O tamanho e a qualidade do peixe vai depender do tamanho e da qualidade do nosso anzol, e da astúcia da pesca. E, claro, paciência, muita paciência...
Lembre, peixe não escuta. Ele reage a movimentos e vibrações. Não adianta berrar, chorar ou "discutir relações".
Mas para pescar, é necessário colocar o anzol na água... não espere o peixe bater na sua porta, pois ele não vai... se ficar sentadinha com o anzol fora d'água esperando, vai acabar com a minhoca morta na mão.
Peixe é muito assustado. Qualquer movimento brusco, impensado, ele foge. Tem que pôr o anzol e esperar...esperar...esperar...(Lembre que o animal aquático mais inteligente é o golfinho, mas ele não é um peixe, sendo assim, peixe não é muito dotado de inteligência).
Outra coisa: peixe bom é raro....Ou ele está longe e você precisa fazer um sacrifício para encontrar, quero dizer, ir a bons lugares para pescar, ou deve se contentar com qualquer lambari que se encontra em qualquer poça d'água.
Também há a possibilidade de um pesque e pague...mas não acho que aqueles peixes sejam muito bons...muita carne, pouco conteúdo...
Bem, eis aqui uma idéia sobre homens e peixes, mas acho que só falei dos peixes, será que há alguma semelhança?
Isto não é corrente, mas seria bom passar para algumas amigas desencantadas, desanimadas ou até mesmo, desesperadas...rs
Ou aquelas que estejam como eu, comendo peixe só na Sexta Feira Santa, isto é, uma vez por ano...

Nenhum comentário:

Postar um comentário